quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Nova Paixão

Por necessidade de aliviar o stress do dia a dia, ou mesmo só pela necessidade de criar ao com as minhas mãos. Abracei a paixão da bijutaria... Pegar em cristais, missanga, arame, cordel... enfim um numero de materiais para todos os gostos, e criar peças de vaidade.
Não deixa de ser engraçado sair á rua com umas das minhas peças exclusivas ( :=) ), e dizerem assim: "Bem que brincos tão giros!!". Enfim são coisas boas para o meu ego.
Mas a minha necessidade de fazer todos aqueles acessórios não é a elevação do meu ego ás alturas, é sim de simplesmente ocupar a minha cabeça com mais alguma coisa para além da enfermagem.
Acho que estou a passar por uma fase em que preciso de ver os resultados concretos de algo que eu me decido a fazer.
Na enfermagem só se sabe trabalhar... apesar de muita gente não o reconhecer, num turno faz-se muito... trabalha-se muito, mas pelo facto de não se ver muitas vezes um resultado palpável, o reconhecimento raramente chega até quem trabalha. Ao menos enquanto vou fazendo os meus brincos vou vendo o meu trabalho a "fazer-se".

2 comentários:

Paula disse...

Então?! Sempre cá estás... Continua a fazer a tua bijuteria pois são peças lindas... mas não te esqueças de descansar também, bem precisas com a azáfama em que andas sempre. Muitos beijinhos...

kiki disse...

Concordo, mas em breve terás muito com que te entreter...e eu também!!